Home Técnicas de Venda Vendendo com estilo

Vendendo com estilo

Postado em 10/01/2012

Vendendo com estilo

Seja qual for a situação, você nunca pode perder o estilo. Seja quem for o seu cliente. E o que queremos dizer com “estilo”?

Já sabemos que, quando você quer vender algo a alguém, deve “sentir” a pessoa. Deve saber do que ela gosta, o que ela costuma fazer, qual o seu esporte preferido – ou se nem gosta de esporte, que tipo de roupa ele gosta de usar etc. Tudo isso – mais as informações sobre o produto/serviço dele – é importantíssimo para que você consiga vender o que quer e que faça um trabalho adequado.

Cada vendedor tem o seu estilo. Cada um tem o seu jeito de falar, de se portar, de agir. Porém, em um relacionamento (neste caso, cliente-profissional) devemos prestar atenção na questão da etiqueta. Devemos prestar atenção no outro. Afinal, um negócio só é um bom negócio quando as duas partes saem satisfeitas.

Aja com respeito

Em primeiro lugar, trate as pessoas como senhor/senhora. A não ser que você conheça a pessoa há muito tempo e tenha essa intimidade. O padrão é: se você não tem intimidade com uma pessoa, chame-a de senhor/a.

Não coloque a sua pasta em cima da mesa do seu cliente, nem na poltrona ao lado. Respeite o espaço dele. Ouça-o bastante e com atenção. Não fale alto, não ria alto. Olhe nos olhos dele.

Faça o que o cliente quiser, sem fazer concessões absurdas

Tudo o que você puder fazer pelo seu cliente, faça. Claro que vai do seu bom senso não fazer tudo. Por exemplo, se o material custa R$ 400,00 e ele quer pagar somente R$ 100,00, com certeza você não terá nenhuma margem de lucro e, possivelmente, até tenha prejuízo.

A regra básica é: se o que o cliente está pedindo a você não prejudicar os seus negócios, faça. Ele será muito grato a você.

Fale sobre o que o cliente gosta

Você não sabe do que o cliente gosta? Uma ótima dica é você olhar em volta. Se você vê objetos de pescaria, provavelmente significa que ele gosta de pescar. Se vir fotos ou revistas relacionadas com futebol, provavelmente ele gosta de futebol. Então, fale sobre o time dele. Ele tem revistas sobre músicas, CDs, pôsteres? Fale sobre música. As pessoas ficam mais propensas a dizer sim caso elas percebam que você se interessa pelo que elas gostam.

Mas, cuidado! Tente não entrar muito no âmbito pessoal. Tente não avançar os limites da intimidade do seu cliente.

Seja elegante

Muita gente pensa que, para ser elegante, é preciso usar ternos caros e de marca. Isso não é verdade! A elegância, em primeiro lugar, é ter educação, é ser respeitoso. Além disso, a roupa que você vai usar depende do ambiente em que o seu cliente trabalha. Se for um ambiente mais despojado, não vai combinar você ir com um terno milimetricamente perfeito. Seja mais despojado também.

Mas, calma! Também não é indicado ir a uma reunião de negócios de camiseta e calça jeans. Você tem de ter bom senso. O importante é estar arrumado, não importando muito o estilo de roupa que você está usando. Eu conheço diretores de empresa por aí que andam de tênis e paletó. (Conhece o Mark Zuckerberg?).

Concluindo

Estes detalhes vão fazer com que você tenha estilo. Seja quem for o seu cliente, trate-o da melhor e mais educada forma possível. Assim, ele vai valorizá-lo ainda mais.

Sucesso e muitas vendas, com estilo, para você.

Gráfica Atual Card www.atualcard.com.br

Tags:, , , , , ,

Gostou dessa matéria? Então compartilha.

Deixe seu comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Assuntos Relacionados

Saiba como montar sua carteira de clientes de forma eficaz

Leis da Gestalt

PDF na Atual Card | Mais rápido. Mais seguro. Mais flexível.